flores

  • Mercado Brasileiro de Flores ganha nova queridinha: a planta do dinheiro

    O nome é esquisito: Pilea peperomioides. Mas isso não importa, afinal, ela chegou para ficar. Depois de fazer sucesso na Suécia, Dinamarca e Noruega, a folhagem ornamental nativa das províncias de Yunnan e Sichuan, localizadas ao sul da China, começa a ser produzida e comercializada no Brasil. E sabe qual o segredo dessa plantinha de 30 cm? Dizem que ela atrai dinheiro e é ideal para ser ofertada a amigos.

    A Pilea, por ter a fama de atrair o dim-dim, é apelidada de planta do dinheiro, embora também seja conhecida como planta panqueca, moeda chinesa ou planta da amizade. É uma folhagem exótica, sendo considerada um ícone da “Urban Jungle”, ideal para ser cultivada em vasos e em ambientes internos. A proposta é trazer beleza e boas energias para dentro de casa ou do escritório.

    Originária de clima tropical e subtropical, essa plantinha verde gosta de meia sombra e sombra, calor e umidade. Ideal para terrários fechados. Se cultivada em condições não ideais de crescimento, ela perde as folhas de base, adquirindo um aspecto interessante, como uma pequena árvore.

    Em Curitiba, a novidade está sendo comercializada pela Agapanthus Floricultura a partir de R$ 54,00, podendo variar conforme o arranjo. Por enquanto a venda será feita somente na loja física da Augusto Stresser 1133 ou pelo whatsapp (41) 98851.6862.

     

     

  • A “Louca das Plantas” estará em Curitiba em junho para dar curso sobre cuidados com seu Cantinho Verde

     

     

    Você que gosta de plantas e quer saber como cuidar melhor do seu cantinho verde não pode perder essa chance! No dia 14 de junho, a blogueira e jardineira Carol Costa vai aterrisar em Curitiba para um curso super descolado, na Agapanthus Floricultura, e vai ensinar você a tratar com muito mais carinho da sua orquídea, das calatheas, das marantas  e de outras plantinhas mais. Será apenas uma tarde, entre 14 e 19 horas, mas promete ser bastante divertida, leve e cheia de aprendizado.

    As aulas são expositivas com dicas para você entender:

    - como manter suas plantas com saúde, combatendo pragas e doenças, além de fazer uma adubação certinha.

    - montar arranjos florais.

    ­

    Tudo isso sem gastar muito tempo e nem tanto dinheiro.

    Cada aluno receberá o certificado de conclusão via e-mail, além de concorrer ao sorteio de vários brindes como peças e arranjos florais.

    No dia do curso, haverá venda de arranjos florais, livros da Carol Costa, tarde de autógrafos e muitos selfies com a louca mais autêntica da TV brasileira.

    Inscrições e valores

    As inscrições poderão ser feitas diretamente na floricultura Agapanthus – Rua Augusto Stresser, 1133 – Juvevê, ou  pelo site www.agapanthus.com.br. Serão consideradas inscritas as pessoas que apresentarem comprovante de pagamento. Não haverá reserva de vagas. O pagamento poderá ser parcelado em até três vezes no cartão de crédito.

        Agora corre que há poucas vagas e elas acabam mais depressa que florada de ipê-branco. São apenas 40 alunos. Sendo assim, garanta logo seu lugar para não perder a oportunidade de aprender mais sobre como cuidar de suas plantinhas.

    Sobre a Carol Costa:

    Jornalista, paisagista e escritora. Criadora do site Minhas Plantas, participa do programa “A Louca das Plantas” da GNT. Carol também tira dúvidas diárias pela Band News FM de São Paulo, no programa “JARDINARIA”, para pessoas que têm interesse pelo universo das plantas. A blogueira é uma comunicadora nata. Com seu charme, carisma e conhecimento sobre plantas vai reunindo seguidores virtuais e reais por onde passa e nos cursos e workshops.Fotos: Divulgação

  • Você já ouviu falar em kokedama?

    A mais nova sensação de arranjo sem vaso conquista adeptos pela simplicidade, beleza e facilidade na manutenção

     

    Que tal ter em casa uma técnica japonesa de criação de arranjos de plantas ornamentais sem vaso e que encanta pela simplicidade e por ser diferente? A kokedama é uma bola de musgo e substrato onde se coloca orquídeas, suculentas e folhagens. O interessante é que é desnecessário o plantio em vaso. Ela pode ficar pendurada ou mesmo sobre a mesa ou um móvel qualquer, em um prato.

    Esta variante do Bonsai oferece todo um charme para o ambiente porque, pendurada, dá a impressão de estar flutuando. O detalhe é que a Kokedama pode ficar ao sol ou à sombra. Se for ao sol, o ideal é plantar suculentas. Se à sombra, orquídeas e folhagens são uma bela opção.

    A kokedama, quando suspensa, é toda amarrada por fios e isso traz um pouco da natureza pra dentro de casa. As varandas ficam com um toque descontraído e a decoração toma um ar descolado. Essa bola de musgo está fazendo um sucesso por causa do pouco trabalho que dá em termos de manutenção.

    Para regar, é preciso apenas borrifar água. Quando muito seca, é bom mergulhar a bola de musgo na água por uns 5 minutos para hidratá-la. Sempre deixar escorrer o excesso de líquido antes de colocar a kokedama de volta ao seu lugar.

    Onde encontrar?

    Você mesmo pode fazer sua kokedama ou simplesmente comprá-la prontinha para colocar em casa. A Agapanthus Floricultura Curitiba oferece arranjos dos mais simples  aos mais elaborados. Preços a partir de R$ 32,00. Isso vai depender da planta que você vai querer colocar dentro da sua bola de musgo. A Agapanthus oferece versões variadas. Dá uma olhada lá no site https://www.agapanthus.com.br ou vá à loja física que fica na Augusto Stresser 1133, Hugo Lange. Também disponibilizamos nossos produtos pelo whatsapp (41) 988516862. Aguardamos você!

  • Sensação do momento: Rainha do Deserto vem da África para conquistar coração de brasileiros

    Foto de Nathália Sorgenfrei

     Uma plantinha africana está conquistando corações no Brasil. Com uma beleza exótica e rara, bem típica do deserto, a Bloem Afrika (albuca spiralis) que tem características de uma suculenta, começa a ser comercializada. O primeiro lote, com apenas 1.500 exemplares, foi distribuído por alguns estados do país como SP e PR. Aqui em Curitiba, a venda ficou exclusiva por conta da Agapanthus Floricultura. O estoque é limitado já que a espécie ainda está em fase de experiência. “Estamos verificando se o mercado aceita essa novidade e se o clima daqui é favorável”, diz o produtor holandês de Paranapanema (SP), Cornelis Joseph Weel, um dos responsáveis por trazer os bulbos para o Brasil.

    A flor da Bloem Afrika é resistente e pode durar mais de um mês em condições ideais como sol, calor e vento. Algumas plantas conseguem desabrochar mais de um botão. A floração acontece de maio de outubro, mas os produtores estão usando da tecnologia para ofertar a plantinha durante o ano todo. A beleza da espécie está no caule enrolado. E quanto mais sol, mais enrolado o caule ficará. Como a planta vem da África, os cuidados são: pouca água e muita exposição solar.

    Também chamada como a Rainha do Deserto, a Bloem Afrika está sendo disputada por quem associa o belo à inovação. “Nossa floricultura agora vende não só a flor Agapanthus, conhecida como o Rei do Nilo, como também a Rainha do Deserto. A África está mais do que presente em nossos arranjos”, salienta a empresária Márcia Carazzai.

    A nova aquisição da floricultura está sendo vendida a partir de  55 reais. Quem aprecia uma novidade não pode perder tempo. O primeiro lote da Bloem Afrika já está no fim. Afinal, o segundo lote só chegará em terras brasileiras em dezembro. Serão apenas 500. A ideia é que, se houver procura e aceitação, iniciar um processo mensal de compra. Então, corra e adquira logo a sua exótica plantinha!

    Serviço: Bloem Afrika – planta exótica e rara

    Onde encontrar? Agapanthus Floricultura – Augusto Stresser 1133, Hugo Lange

    Site: www.agapanthus.com.br

    Telefone para pedidos: (41)3013 3940

    Fotos: Nathália Sorgenfrei

  • Sobre flores...

     

    Existe flor da moda ou podemos ter qualquer flor em qualquer época do ano?

     A tecnologia utilizada na produção das flores e a logística avançada nos permite ter a maioria das flores produzida especialmente para fins comerciais o ano inteiro. Na Agapanthus, costumamos ter alstroemérias, antúrios, cravos, rosas, crisântemos, lírios, orquídeas, begônias, suculentas, cactos, gérberas e flores tropicais o ano todo, nas mais variadas cores. A exceção fica por conta de variedades mais sensíveis que são disponibilizadas somente no outono/inverno como tulipas, narcisos, anêmonas, junquilho.

    Flores/ arranjos sempre são uma boa opção para presentear?

    As flores exaltam carinho, abraço, gratidão e revelam sentimentos. Flores são seres vivos e, talvez por isso, sejam o desejo de muita gente. Uma simples flor tem o poder de tocar o coração das pessoas. Nada melhor que flores para surpreender.

    As pessoas que apreciam flores, quando as recebem, não avaliam preço e, sim, a delicadeza, o gesto; sempre há uma flor compatível com o orçamento.

    Como é o trabalho da Agapanthus em relação ao trabalho de montar no arranjo e o tornar um presente inesquecível?

     Temos uma linha variada de produtos prontos: buquês, cestas, e arranjos para todos os gostos.

    Diariamente atendemos clientes com demanda de personalização. Pessoas que buscam impactar e causar emoção utilizando flores ou cores específicas de flores e que agregam valor ao presente com embalagens diferenciadas. Trazem sua demanda à floricultura e acabam criando um vínculo muito interessante entre florista, cliente e presenteado. Alguns clientes deixam por nossa conta. Temos um cliente que adora desafios e não gosta de repetir arranjos. Então, nos dá um tema e desenvolvemos o presente no aniversário da filha e esposa, aniversário de casamento e, até mesmo, para os clientes da empresa dele.

    Qual arranjo você recomendaria pra presentear um amigo/a?

    As pessoas têm gostos e personalidades diferentes, por isso mesmo, trabalhamos com um mix grande. A ideia de dar flores para homens já está consolidada. Não vejo mais as pessoas se preocupando com a questão de gênero. Flor é flor. É natureza, é divino e a missão da flor é levar beleza e aconchego a todas as pessoas. Uma orquídea num cachepô de madeira, uma garrafa de vinho com um mini arranjo aplicado, uma planta verde, um belo buquê de lírios ou cravos, um ramalhete de girassóis, um buquê de rosas brancas ou amarelas. Os homens também merecem flores.

    E para presentear os noivos em um casamento?

     As flores são utilizadas nas celebrações para atrair boa energia aos noivos. Por que não os presentear com flores? Sim, um belo buquê com mix de flores ton sur ton num vaso de cristal ou uma profusão de orquídeas num vaso diferenciado.

    Qual o arranjo ideal para conquistar de vez a pessoa amada?

     As rosas ainda são as preferidas dos apaixonados. Nosso buquê de rosas é super desejado; preferido pelo público masculino para presentear suas amadas, e as mulheres gostam porque além de lindo é prático.

    Há os enamorados detalhistas, sofisticados que costumam mandar um tufo de rosas com 24 ou 36 flores somente amarrados com laço de cetim.

    Para o Dia dos Namorados a proposta é a mesma?

     No Dia dos Namorados, notamos presentes diferentes para cada geração.

    O pessoal mais tradicional vai de buquê de rosas vermelhas; a moçada gosta de variar a cada ano, mudar de flor, mudar de cor. Lírios e orquídeas competem com as tradicionais rosas. Nesta data em especial costumam mandar pelúcias e chocolates junto com as flores.

    Para o Dia das Mães?

    Para as mães, recomendamos, além das orquídeas que elas amam, buquês e cestas com mix de flores; aquele arranjo com jeito de abraço, aconchego de colo materno. Nesses quase vinte anos de floricultura, notamos que os filhos costumam mandar arranjos grandes, coloridos e impactantes para as mães.

    Existe alguma outra ocasião em que a busca por arranjos aumenta?

     A utilização de flores como presente tem se acentuado nas comemorações do Dia da Mulher, Dia da Vovó, Dia do Médico e Dia do Veterinário, assim como nos dias em que se comemoram outras profissões. As pessoas sempre têm alguém para homenagear e flores são sempre oportunas.

    Entrevista a Márcia Carazzai, proprietária da Agapanthus Floricultura e membro da Academia Brasileira de Artistas Florais- Foto: Nathália Carazzai

Itens 1 para 5 do 10 total

Página:
  1. 1
  2. 2